Elite brasileira têm a quarta maior fortuna do mundo em paraíso fiscais

olhar*Fonte: Olhar Comunista

Matéria da BBC Brasil informa que os “super-ricos” brasileiros têm fortunas que, somadas, chegam a um terço do Produto Interno Bruto do Brasil. E que a maior parte dessa dinheirama está guardada em cofres nos chamados “paraísos fiscais”, livres de tributação. No Olhar Comunista.

Eram US$ 520 bilhões (pouco mais de R$ 1 trilhão) em 2010, a quarta maior soma no ranking por países. No mesmo ano, o PIB brasileiro somou cerca de R$ 3,6 trilhões. A informação, do estudo The price of offshore revisited, usou dados do Banco de Compensações Internacionais, do Fundo Monetário Internacional, do Banco Mundial e de governos nacionais. A riqueza privada em paraísos fiscais representa “enorme buraco negro na economia mundial”, indica o estudo, acrescentando que instituições como Bank of America, Goldman Sachs, JP Morgan e Citibank “oferecem este serviço”.

Na América Latina, além do Brasil, países como México, Argentina e Venezuela aparecerem entre os 20 que mais enviaram recursos a paraísos fiscais. Para John Christensen, diretor da Tax Justice Network (que encomendou o estudo), países exportadores de riquezas minerais seguem um padrão: os ricos locais há décadas usam bancos, principalmente dos EUA, para enviarem seus recursos ao exterior. “Isso aumentou muito nos anos de 1970, durante as ditaduras”, observa.

Os segmentos farmacêutico, de comunicações e de transportes estão entre os que mais remetem recursos para paraísos fiscais. “As elites fazem muito barulho sobre os impostos cobrados delas, mas não gostam de pagar impostos”, afirma. “No caso do Brasil, quando vejo os ricos brasileiros reclamando de impostos, só posso crer que estejam brincando. Porque eles remetem dinheiro para paraísos fiscais há muito tempo”, diz ele.

A revelação confirma, mais uma vez, a ação deletéria da oligarquia capitalista internacional, que, cada vez mais, suga recursos da exploração do trabalho da maioria da população e da sonegação de impostos para benefício próprio. E que, nesta deletéria oligarquia, ficamos no quarto lugar. Ainda há quem desavergonhadamente comemore a expansão do “Brazil Capitalism SA”.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Atitude & Comunicação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s